────⊰☫ Creative Delights

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

────⊰☫ Creative Delights

Mensagem por Geralt of Rivia em Sex 13 Out 2017, 15:14

── The Witcher ──
❝Only death can finish the fight,
everything else only interrupts the fighting.❞

24 Aug at 11:34 pm
A escuridão da noite ocultava sob seu manto de sombras um cavaleiro errante, que cruzava as planícies férteis de Toussaint. Não haviam lua ou estrelas naquela noite, apenas o brilho dos olhos amarelos que permaneciam focados no caminho traçado pela montaria, que cavalgava em um ritmo acelerado. Ofegante, ela assumia um trajeto já conhecido em uma direção que conseguia prever onde acabaria: uma antiga ruína élfica da qual pouco restava além de fantasmas, aparições, ghouls, alghous e outros carniceiros que se alimentavam do que sobrava dos corpos de aventureiros e mercadores que ousavam cruzar aquele caminho de destruição. Roach sentia de longe o cheiro de morte impregnado nas paredes de pedra e se inquietava. O witcher então desceu de seu dorso e libertou o animal para que encontrasse um local seguro para se alimentar e descansar, enquanto ele cumpria mais um contrato. O medalhão na forma da cabeça de um lobo que adornava o pescoço ressoava diante da presença das criaturas que infestavam aquelas ruínas. Dessa vez não levou consigo suas poções, apenas a espada de prata, que empunhava já sem a bainha. A capa com capuz que ocultava seu rosto movia-se com a força do vento e revelavam uma feição desgastada não apenas pelo tempo, ou pelas longas e árduas batalhas nas quais se envolvia com frequência, sua expressão era séria, mas inexpressiva, ocultando todo e qualquer sentimento que carregasse consigo. Os passos marcavam a relva com a armadura e o peso de seu corpo, seguindo sem cautela alguma para a batalha. Sua presença era percebida de longe pelas criaturas que habitavam as ruínas, então elas não demoraram para se revelar, cercando o witcher de todas as direções possíveis, ameaçadoras, aguardando o melhor momento para atacar. Ele caminhava até o centro daquele cenário distraído pelos pensamentos que desejava afastar. Isso abriu brecha para que as criaturas começassem a atacar, todas juntas, elas avançaram em sua direção e ele, por mais habilidoso que fosse, conseguia bloquear alguns poucos golpes com sua espada e esquivar-se de outros, mas fora atingido no pescoço, nas costas, nas pernas e no rosto. Ainda assim não utilizava nenhum de seus recursos, como os sinais mágicos que certamente seriam de grande ajuda naquele momento. Outras sequências de ataques aconteceram e Geralt tentava dessa vez bloquear e contra atacar, tentando eliminar uma a uma as criaturas que o cercavam. Eram muitas, cada uma provocava um ferimento diferente, uma dor... Mas ele não hesitava. Estava disposto a destruir aquelas criaturas ou morrer tentando... Já estava morto afinal... habitando um corpo vazio. Uma a uma elas caiam sob a lâmina de prata que reluzia na escuridão deixando um rastro de sangue a cada movimento. Apenas as aparições e fantasmas não deixavam esse rastro mas sim densas nuvens negras que se dissipavam e rearranjavam até assumirem a forma original ou serem destruídos... Ou o melhor... Afastados. Ambos ainda voltariam ao mesmo local na noite seguinte se ele não quebrasse o elo que os mantinha presos nesse mundo, e no fundo era com isso mesmo que ele contava... A cada corte desferido contra as criaturas era um novo que ele recebia, então seu corpo aos poucos oscilava, exigindo um maior gasto de energia e força para executar movimentos simples e ataque e esquiva. Mas a batalha continuou, até que sua espada fosse cravada no peito de um último alghoul. A criatura gritava em seus últimos suspiros, ainda avançando com as garras em sua direção, rasgando a vestimenta reforçada que protegia os ombros. Ele caiu junto com a criatura, mas de joelhos, com os braços soltos, deixando que a espada tocasse o solo molhado. Sua expressão permanecia inalterada, seus olhos estavam focados em qualquer ponto aleatório sem realmente enxergar o que havia à sua frente. A respiração, dessa vez estava ofegante. Seu sangue escorria até o solo se misturando ao dos cadáveres. Ergueu o rosto, sentindo a água da chuva lavar seu rosto e fechou os olhos, mais uma vez imerso em uma dor que não conseguia mais combater... Não era a dor de seu corpo, sua musculatura ou os ossos, mas de seu coração. Não haviam lágrimas em seus olhos, mas seu coração sangrava feridas que fora incapaz de regenerar. Uma dor que já o acompanhava há muito tempo... Tempo demais... Que lhe consumia a sanidade e o deixava ainda mais próximo das monstruosidades que combatia. Irracional e impulsivo, agressivo e destrutivo. Não havia dor física ou adrenalina capaz de mascarar o que sentia, não mais. Estava destruído, não apenas de corpo, mas de alma. Esperava que a água limpasse suas chagas e com a intensa perda de sangue começou a ceder à gravidade. Deitou-se, olhando para o céu escuro aguardando o momento que perderia a consciência para assim conseguir adormecer. Seu corpo já não se movia mais, o coração reduzia a velocidade de seus batimentos, assim como a respiração. Estava derrotado, não pelas criaturas que combatia, mas pelas lembranças perdidas que assistia se formarem na chuva. Seu tempo estava acabando, estava em seu limite. Sua mente foi se dissolvendo gradativamente e seus olhos se fecharam novamente. Haviam então, apenas a escuridão, o frio e o vazio de sua alma.




GERALT OF RIVIA
| Ꮤiedźmin | The Butcher of Blaviken | Gwynbleidd | Vatt'Ghern | Ravix of Fourhorn |
❝I thought I was choosing the lesser evil. I chose the lesser evil. Lesser evil! I’m Geralt! Witcher…I’m the Butcher of Blaviken...❞
avatar
Geralt of Rivia
Admin

Mensagens : 94

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo


 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum